Preloader images
Preloader icon

O motor é o coração dos nossos veículos e por isso precisa de um cuidado mais de perto para manter o seu bom funcionamento. A manutenção preventiva é uma das melhores formas de prevenir dores de cabeça futuras.

Com a manutenção preventiva, você diminui o risco de acidentes, tem uma viagem mais tranquila e ainda reduz custos. Afinal, revisão é um investimento! Sai muito mais barato você manter seu veículo em dia do que pagar caro na hora que o problema com o motor for irreversível.

Por isso, da uma olhadinha nas dicas que separamos para você cuidar bem do motor do seu possante! 

Troca de óleo

Pode parecer besteira o primeiro item da lista ser justamente a troca de óleo, algo tão comum na vida de quem vive na estrada. Mas na correria do dia a dia das viagens, às vezes você pode deixar escapar essa pequena manutenção.

Dê uma espiadinha todos os dias, conferindo o nível pela vareta do óleo e o óleo em si. Verifique se ele possui manchas, borras ou resíduos metálicos – eles podem indicar problemas no motor.
Filtros de óleo

E por falar em óleo, outro item que precisa de manutenção são os filtros de óleo. Aqui no Brasil, nosso diesel tem uma alta taxa de enxofre, que acaba prejudicando o motor dos caminhões, podendo inclusive carbonizar os anéis do motor.

A função do filtro é “segurar” esse enxofre, por isso precisa de atenção. Normalmente, a cada 5 mil quilômetros rodados você precisa trocar os filtros. Mas para ter certeza, consulte o manual do motor do seu caminhão.
Mantenha o tanque cheio

Ficar parado na estrada não é o único problema que a falta de combustível pode trazer para você. O Diesel no Brasil possui uma grande concentração de impurezas e é aí que mora o problema.

Quando o seu caminhão roda com pouco combustível, a quantidade de sujeira por metro cúbico de líquido aumenta. Quanto maior a quantidade de impurezas, maiores as chances de elas passarem pelo filtro e danificarem o motor.

Sem a manutenção adequada no caso a troca periódica do filtro de combustível,  o resultado podem ser bicos injetores entupidos e sérios prejuízos ao motor. Por isso, evite deixar para abastecer quando o tanque estiver quase vazio. O ideal é abastecer quando o tanque estiver com metade de seu volume.

Fique atento aos sinais

Assim como o nosso corpo dá sinais de que algo não vai bem, o caminhão também indica quando algo não está certo com o motor e precisa de manutenção. Fique atento ao consumo elevado de óleo, fumaça excessiva, perda de potência ou barulhos estranhos.

Esses são alguns sinais que seu caminhão pode emitir, pedindo uma pausa na viagem para a manutenção. Assim como você deve abastecer em postos de gasolina confiáveis, o mesmo vale para mecânicas e elétricas.

De olho na temperatura

A temperatura do motor do seu caminhão precisa estar sempre equilibrada e evitar oscilações. O aumento e baixa constante podem afetar o funcionamento do motor, por isso é preciso identificar a causa e fazer a manutenção.

Entre as causas do aquecimento, você pode considerar problemas nos seguintes itens:

  • válvula termostática;
  • bomba de água;
  • radiador;
  • sensor de temperatura;
  • líquido de arrefecimento;
  • óleo lubrificante.

E aí, pronto para uma viagem tranquila e sem dores de cabeça? Bora lá.

Olá,
Olá, como podemos ajuda-lo?